Projota lança versão Remix de Tranquila do cantor J Balvin

O Projota acertou em escolher o Reggaeton, mas errou no tempero.

Traaaa dale tranquila! Todo reggaetoneiro que se preze já ouviu ao menos uma vez esse grande sucesso do Reggaeton que deu muito destaque ao cantor colombiano J Balvin. Inclusive você possivelmente tenha ouvido muito a canção Tranquila de J Balvin várias vezes, mas talvez não em uma versão brasileira, misturando a voz do cantor J Balvin com a voz do rapper Projota.


Nesta terça-feira (04/11) o rapper Projota, lançou uma versão oficial da música "Tranquila", antes apenas interpretada pelo jovem cantor colombiano J Balvin. A música é a faixa 8 do álbum "Foco, força e fé", e já está disponível nas pratilheiras brasileiras. Infelizmente o resultado da canção não foi bem o esperado pelos seguidores do Hit "Tranquila", inclusive alguns do próprio Rap.


A canção que mantem a voz original do J Balvin, segue tranquila até o Projota quebrar a harmonia melódica de flow com um rap gangster espelhado no flow do cantor original. Até aí tudo bem, nada demais, até ele trocar "y veo tu cuerpo ou ou ou" por "os maloqueiros chegou ou ou ou " e quebrar todo o encanto da música. 

Poderíamos também mencionar as várias faltas de concordância na letra como "tranquila o veneno que desfila", mas são apenas detalhes. Mas parece que tudo isso já não lhe foi o bastante, quando tudo parece que não poderia piorar, o Projota ao invés de ter ficado quieto, nos últimos minutos, clamou a seguinte frase "Rap Brasileiro, Rap Colombiano, música! Um só!" deixando a entender aos ouvintes que aquela música seria um rap. Mas claro que preferimos acreditar que ele sabia que a canção "Traquila" é um hit do Reggaeton Colombiano com uma pegada totalmente nova, produzida especialmente na Colombia, e que era nitidamente um reggaeton e nunca, nunca um Rap. 

Apesar de alguns reggaetons utilizarem características de Rap, é notória a diferença entre uma canção de Reggaeton e uma canção Rap, mas iremos acreditar que foi proposital assinar a bandeira do Rap já que é esse o público do Projota ao invés do Reggaeton que é um publico ainda desconhecido no Brasil (não se tem noção do quanto é forte ou fraco). Até por que o Rap, assim como outras expressões de rua, vivem em conjunto com o Reggaeton e apesar das diferenças e críticas de ambos os grupos são gêneros amigáveis um com o outro.

O projota, acertou em escolher o Reggaeton, mas errou no tempero. Agora é esperar que em uma próxima vez ele possa se entregar mais no Reggaeton e saber usufruir isso da melhor maneira possível, até por que o Projota já tem um nome no mercado e faria muito bem se fosse um aliado do gênero.

Ouça a versão remix do Projota.


Ouça a versão original do J Balvin
Share on Google Plus

Escrito por Dermeval Neves

Site Oficial do Reggaeton no Brasil criado desde 2007. Entre em contato conosco através do nosso e-mail: contato@ReggaetonBrasileiro.com. | INSTAGRAM: @ReggaetonBrasil