'Despacito' é proibida na rádio e televisão pública da Malásia, entenda o porquê!

Daddy Yankee (esquerda) e Luis Fonsi (direita) / Foto: divulgação
Nesta quinta-feira (20), a imprensa local da Malásia informou que a canção mais ouvida do mundo está proibida de ser reproduzida em rádios e programas de televisão de viés público, isso por que, após uma reunião do painel de avaliação da estatal Rádio Televisyen Malaysia (RTM), que aconteceu ontem a noite, o ministro de Telecomunicações malaio, Salleh Said Keruak, decidiu retirar a permissão de execução da canção, sendo ele por que considera a letra da canção 'Despacito' obscena e muitas pessoas estavam criticando tal conteúdo.

Essa decisão ocorreu após o partido islamita Angkatan Wanita Amanah Nasional (Awan) criticar o conteúdo sexual explícito da música e pedir a proibição de sua emissão nos meios de comunicação.

'Despacito' é canção mais reproduzida em 'streaming' da história, batendo records em todas as plataformas como Spotify e Youtube. A canção ultrapassa 4,5 Bi em streaming e quase 3 Bi no Youtube. A canção foi escrita pela brasileira Erika e pelos próprios interpretes Luis Fonsi com colaboração de Daddy Yankee.

Sendo o G1, não é a primeira vez que as autoridades malaias proíbem um filme ou espetáculo apelando à moralidade pública. No último mês de março, a Comissão de Censura de Filmes vetou a estreia da última adaptação de "A Bela e a Fera" pela aparição de um personagem homossexual, ainda que dias depois tenha voltado atrás e permitido sua projeção. Em 2014 a mesma Comissão impediu a exibição de "Noé", de Darren Aronofsky, por considerar que a produção era contrária ao islã.
Share on Google Plus

Escrito por Dermeval Neves

Site Oficial do Reggaeton no Brasil criado desde 2007. Entre em contato conosco através do nosso e-mail: contato@ReggaetonBrasileiro.com. | INSTAGRAM: @ReggaetonBrasil